Poderia o Google Nos Deixar Mais Burros ?

16 01 2008

GoogleO nosso querido TI ficou um pouco abandonado nas últimas semanas devido aos meus trabalhos no novo XBacon, porém agora está tudo normalizado por lá. Chegou a hora de dar um turbo de posts aqui.

Em nosso artigo sobre a WikiPedia, tivemos um comentário um tanto quanto troll, mas que me inspirou a escrever sobre este tema, que já tenho rascunhado em minha mente algum tempo: As ferramentas de busca online podem nos deixar mais burros?

É bastante complicado escrever sobre isso, apenas peço que leiam com atenção minha argumentação antes de criticarem o texto.

O sistema de ensino em nosso país é extremamente defasado, temos professores despreparados, mal pagos e obsoletos utilizando ferramentas também obsoletas que não conseguem prender a atenção nem gerar interesse no aluno de hoje em dia, acostumado com a interatividade dos computadores e video-games.

Com este desinteresse, é natural que o aluno não busque aprender com as atividades que lhe são passadas e apenas as cumpra com o objetivo de conseguir a nota necessária. Este tipo de aluno sempre existiu e sempre irá existir, porém a porcentagem deles é o que está se tornando crítico.

Quero chegar no fato de que ninguém mais faz trabalhos escolares, seja no ensino médio ou no superior. Nos dias de hoje quando uma atividade é dada a um aluno, tudo o que ele faz é acessar o Google ou a Wikipedia, digitar o tema no campo de busca, copiar os resultados e colar no Word, sem sequer revisar o conteúdo na maioria das vezes.

Esta cultura também está presente no ambiente de trabalho, citando como exemplo os profissionais de TI, onde me enquadro. Quem nunca procurou uma determinada função que precisava fazer em alguma linguagem de programação no Google? Ou então procurar a solução de um determinado problema ao invés de efetuar uma pesada bateria de testes?

Claro que a ferramenta está aí para ser utilizada e economizar nosso tempo cada vez mais escasso. A diferença está em como usá-la. Um bom profissional irá encontrar a resolução de seu problema no buscador e utilizar este resultado para aprender a resolver um problema. Já o mau profissional vai executar a receita de bolo para resolver o problema rapidamente, quando o mesmo reincidir, ele busca de novo.

Ainda existe mais um ponto, se esforçando para descobrir a causa do problema e por consequência sua solução provavelmente seu aprendizado será muito maior, pois o problema pode ser uma fonte para outros erros ocasionais. Erros que você já saberia a causa caso tivesse descoberto “na unha“.

E quando o Google não retorna resultados para sua busca? Este pode ser motivo de desespero para muitas pessoas, que se vêem completamente de mãos atadas quando acontece algo semelhante. Será que é realmente saudável dependermos tanto de uma ferramenta?

A humanidade viveu 2000 anos sem o Google, talvez ele não seja tão essencial quanto aparenta. É uma empresa como qualquer outra, melhor que a maioria é verdade, possui uma posição de destaque no cenário mundial e a probabilidade de um crash repentino na mesma é realmente muito baixa, mas não é nula, nunca é.

Imagine quanta gente estaria falida se o buscador mais famoso do mundo fosse a falência? Por exemplo as empresas especializadas em SEO (Search Engine Optimization), blogs e sites que vivem do AdSense. No caso dos anúncios, poderiam me questionar que existem outros excelentes programas de monetização além do AdSense, o que é verdade, porém, qual a origem dos visitantes que mais dão retorno clicando nos anúncios? Do próprio.

Concluindo tenho a acrescentar que a culpa não é de maneira alguma da ferramenta, mas sim da maneira como a utilizam. Os buscadores e Wikis são excelentes fontes de conhecimento, porém na maioria das vezes ao invés do usuário buscar aprendizado, procura apenas por repostas rápidas, que podem solucionar o problema à curto prazo, mas serão esquecidas em alguns minutos, não agregando conteúdo algum ao indivíduo.


Ações

Information

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: